POR QUE OS DENTES ENTORTAM?

Há diferentes fatores que ocasionam o desalinhamento dentário, porém, alguns fatores básicos são:

GENÉTICA – herdamos as características dentárias dos nossos pais, como por exemplo, o tamanho dos dentes e dos ossos maxilares. Assim, se uma criança herda a característica de maxilares pequenos de um dos pais e dentes grandes do outro, os dentes nascerão tortos, devido o pouco espaço na arcada dentária.

Outro fator genético que pode influenciar no desalinhamento dentário, é a malformação facial;

HÁBITO – alguns hábitos também influenciam o desalinhamento dentário. Entre os mais comuns estão: chupar dedo, usar chupeta por muito tempo, pressionar a língua contra os dentes e respirar pela boca, pois, a respiração inadequada pode influenciar o modo de crescimento da mandíbula;

DENTE DO SISO – é comum não haver espaço suficiente para o dente do siso na arcada dentária, por isso, ele exerce força sobre os dentes vizinhos, movimentando-os para conseguir lugar na arcada. Como consequência, pode ocorrer o desalinhamento dentário;

ACIDENTES OU QUEDAS – pessoas que praticam esportes radicais ou atividades esportivas intensas estão mais propensas a sofrerem traumatismos dentais. Mas, todas as pessoas estão suscetíveis a sofrerem algum acidente ou queda, que pode ocasionar esse tipo de traumatismo e, consequentemente, levar a mobilidade dos dentes, fazendo com que haja um desalinhamento dos mesmos.

Dentes tortos podem prejudicar todo funcionamento oral. Porém, é possível corrigi-los através do uso de aparelhos ortodônticos. Se você sofre com esse problema, não perca tempo e agende sua avaliação!